Foi Testado Internet, opiniões, piada e crítica sobre a política, que virou uma piada, de mau gosto

Escândalo na UFRGS: Professores militantes são presos por corrupção em bolsas de estudos de

Universidade Federa...

OnzeDezembro2016

Professores militantes são presos por corrupção em bolsas
Escândalo na UFRGS: Professores militantes são presos por corrupção em bolsas de estudos de Universidade Federal no Rio Grande do Sul.
-Veja parte do que informou o MBL do RS:
"Após uma rápida busca por seus nomes no facebook, podemos conferir que eram professores engajados em pautas de esquerda, contrários aos projetos que reduzem o tamanho do estado a nível nacional e a nível estadual e favoráveis às invasões da Universidade.

Entre os investigados presos estão Sergio Nicolaiewsky, ex-vice reitor da UFRGS e atual diretor-presidente da Faurgs, o professor Ricardo Burg Ceccim, um dos coordenadores do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva (PPGCol) da Escola de Enfermagem, o professor Alcindo Ferla, que atua na Escola de Enfermagem da UFRGS, e Simone Chaves, que atualmente é professora da Unisinos. Também foram presas Marisa Behn Rolim, servidora da universidade e secretária do PESC/PPGCol, e a filha dela, Priscila Behn Rolim Coronet".
O MBL expõe que, quando militante da esquerda estiver contra corte de gastos, é por temer não ter tetas inchadas de onde ele pode roubar. - Muitas tetas, dinheiro que parece sobrar, acabam por facilitar a corrupção, não existe fiscalização que dê conta, não existem metas e nem limites.

Emoticon curtiuPost e meme(imagem) do MBL: facebook.com/mblivrers/photos/a.1034984456516546.1073741829.1026615920686733/1506093786072275

MBL - Movimento Brasil Livre RS

Ontem (9), a Polícia Federal prendeu mais alguns corruptos. Dessa vez, não eram políticos, mas professores da UFRGS.
Após uma rápida busca por seus nomes no facebook, podemos conferir que eram professores engajados em pautas de esquerda, contrários aos projetos que reduzem o tamanho do estado a nível nacional e a nível estadual e favoráveis às invasões da Universidade.
Entre os investigados presos estão Sergio Nicolaiewsky, ex-vice reitor da UFRGS e atual diretor-presidente da Faurgs, o professor Ricardo Burg Ceccim, um dos coordenadores do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva (PPGCol) da Escola de Enfermagem, o professor Alcindo Ferla, que atua na Escola de Enfermagem da UFRGS, e Simone Chaves, que atualmente é professora da Unisinos. Também foram presas Marisa Behn Rolim, servidora da universidade e secretária do PESC/PPGCol, e a filha dela, Priscila Behn Rolim Coronet.
Fica a lição: sempre que um esquerdista estiver fazendo militância contra os cortes de gastos, seu único medo é não ter mais de onde roubar o povo.

Militante Preso Corrupção Educação Rio Grande do Sul MBL RS Invasão de Escolas Saúde PP Gastos

Tiago Pavinatto detona Jean Wyllys no Pânico, por agressão ao Arthur do Mamaefalei, por fingir... Socialismo na Venezuela aumenta a prostituição infantil e juvenil - Socialismo é bom... 4 medidas das 10 que foram tiradas por sujos da Câmara, que JN mostrou - Essas... Kim Kataguiri e MBL expõem tentativa de votação aloprada do que Renan chama de abuso de... MBL publica foto de Aécio Neves e Sérgio Moro conversando e rindo em evento - ... Legado petista: 70% de alunos com 15 anos não sabem o básico de matemática. Segundo... Vem Pra Rua divulga as pautas para manifestação de 4-12, domingo - 1 - Não... Ronaldo Caiado defende a extinção da EBC, TV de doutrinação e mentiras da era... Áudio que mostra Jorge Viana querendo que Lula atacasse Moro. Vídeo com áudio está mais... Socialismo na Venezuela aumenta a prostituição infantil e juvenil - Socialismo é bom... 14 senadores que, com Renan, dariam golpe contra a Lava-Jato votando de supetão a lei de...

Mais 10
PoliticaPolítica de privacidade